domingo, 29 de abril de 2012

O Julgamento de Paris


Sinopse
O filme é baseado em fatos reais, e retrata os primeiros tempos da indústria do vinho em Napa Valley nos anos 70, e que culminou com a vitória das vinícola californiana Chateau Montelena na competição internacional de melhor vinho em 1976, em Paris, o que acabou colocando a região no mapa dos melhores produtores da bebida.
Qual o melhor vinho do mundo? O mais interessante desse filme é a história real da quebra de tradições milenares. Estrelado por Alan Rickman, o filme é um divertido retrato de como persistência e talento podem superar a tradição.
Alan Rickman é Steven Spurrier, um sommelier dono de uma adega em Paris que tem uma ideia para se aproximar da federação de produtores de vinho. O Estados Unidos estão começando a produzir a bebida na Califórnia e começam os boatos de que o produto é realmente bom. Spurrier se dispõe a ir a Califórnia provar os vinhos, escolhendo os melhores produtores para uma competição às cegas em Paris. Para os franceses é a forma de comprovar que a fama de seus vinhos não é por acaso. Para os californianos é uma oportunidade de serem avaliados sem preconceito. 

A história real aconteceu em 24 de maio de 1976 na capital francesa e marcou o mundo. Eram seis vinhos da Califórnia contra quatro franceses em cada categoria. Nos vinhos brancos, a vitória americana foi mais expressiva, como mostra a análise do blog Jornal do Vinho, onde você encontra também, a pontuação final de cada vinho, retirada do livro de George M. Taber, único jornalista a cobrir o evento.
A trama se desenvolve de forma interessante mesclando o ponto de vista de Spurrier com a dos produtores californianos. Na verdade, a grande disputa é apenas a cereja do bolo. O filme trata da busca por reconhecimento. É o empresário que quer ser reconhecido pelos iguais. O filho que quer o reconhecimento do pai. O homem que acredita em seu sonho. O rapaz que quer ir além do que sua família sonha. A moça que quer entender tudo sobre vinho.
O grande chamariz dessa história que a torna especial é mesmo o fato de ser verídico. O elenco também ajuda. Além de Alan Rickman, temos Bill Pullman em boa atuação e Chris Pine defendendo bem o herói do filme Bo Barrett.
O roteiro de Ross Schwartz com o próprio diretor é bem feliz e a narrativa é gostosa de acompanhar. A direção é correta, tornando o filme bastante agradável. Preparem a garrafa de vinho, pois vai dar vontade de experimentar uma boa safra!

Informações Técnicas

Título no Brasil:
  O Julgamento de Paris
Título Original:  Bottle Shock
País de Origem:  EUA
Gênero:  Comédia / Drama
Tempo de Duração: 110 minutos
Ano de Lançamento:  2008
Estúdio/Distrib.:  California
Direção:  Randall Miller
Elenco:
Chris Pine (Bo Barrett)
Alan Rickman (Steven Spurrier)
Rachael Taylor (Sam)
Freddy Rodrígue (Gustavo)
Dennis Farina (Maurice)
Eliza Dushku (Joe)
Miguel Sandoval (Mr. Garcia)
Bradley Whitford (Professor Saunders)
Joe Regalbuto (Bill)
Hal B. Klein (Shenky)
Kirk Baily (Loan Officer)
Philippe Bergeron (Pierre Tari)

Quem quiser assistir, vai passar durante a semana que vem:
Terça-feira - 01/05 às 3:30 no TC Touch
Quinta-feira - 03/05 às 20:00 no TC Touch
Domingo - 06/05 às 12:15 no TC Touch

Nenhum comentário:

Postar um comentário