domingo, 27 de maio de 2012

Sachertorte


Alguns bolos nunca perdem seu encanto, por mais antiga que seja a receita!
É no tradicional Hotel Sacher, em frente à Ópera de Viena, inaugurado em 1876 e decorado com mobiliário elegante, antiguidades valiosas e uma famosa coleção de pinturas, que se vende esta especialidade, a Sachertorte.
Foi criada por um aprendiz de confeiteiro que tinha apenas 16 anos – Franz Sacher – em 1832, para servir como sobremesa em um banquete oferecido pelo Príncipe Clemens Metternich. 
Desde então ela se tornou uma das tortas mais famosas do mundo.
Cada fatia vem com um selo de chocolate (semelhante a um lacre, como eram usados antigamente para lacrar cartas, documentos e convites) que comprova a originalidade da Sachertorte.
Por ser uma torta de massa mais “seca”, vem  acompanhada por uma porção de Creme Chantilly sem açúcar. 
A Sachertorte original tem o amarguinho do chocolate bem presente. Aqui, coloquei a receita mais próxima da original, pois a receita é um segredo bem guardado pelo hotel Sacher. Porém, na verdade, fiz uma "falsa sachertorte", pois misturei o chocolate meio amargo com o chocolate ao leite, na massa e no glacê, para ficar mais ao nosso paladar e coloquei também, um pouquinho de açúcar no chantilly.
Ingredientes:
225 g de chocolate meio amargo
375 g de manteiga sem sal amolecida
300 g de açúcar
8 ovos
150 g de maisena
Recheio:
175 de geléia de damasco
¾ de xícara de água filtrada
1 cálice de licor de tangerina
Cobertura - Glacê de Chocolate:
150 g de açúcar
150 ml de água
300 g de chocolate meio amargo picado
Preparo:
Bolo
Unte e enfarinhe uma forma de 25 cm. Derreta o chocolate em banho-maria (quente, mas não fervente), deixe esfriar. Bata a manteiga com a metade do açúcar até formar um creme bem claro e liso. Junte as gemas, uma a uma. Bata as claras em neve e junte o restante do açúcar, batendo até formar um merengue macio. Incorpore o chocolate derretido ao creme de manteiga. Misture o merengue e a maisena peneirada duas ou três vezes alternadamente. Espalhe a massa de modo uniforme na forma e asse em forno preaquecido a 160°C, por 50 minutos. Retire do forno, deixe esfriar por 5 minutos e vire sobre uma grade.
Corte a torta ao meio e recheie com a geleia de damasco. Pincele um pouco também dos lados e por cima de toda a torta.
Em seguida, cubra com o glacê de chocolate, espalhando depressa com uma espátula aquecida. Bata a grade na mesa para assentar o glacê e deixe endurecer antes de colocar no prato de servir.
Geléia de damasco
Leve todos os ingredientes para uma panela e cozinhe por alguns minutos. Deixe esfriar.
Glacê de Chocolate (cobertura)
Faça uma calda com o açúcar e a água, junte os pedaços de chocolate e bata sobre calor médio até derreter e a mistura ficar lisa. Aqueça a 110º C (um pouco abaixo do ponto de bala mole. Para testar use os dedos esfriados em água gelada. Quando a calda atingir a consistência desejada, tire a panela do fogo e bata sobre um pano, numa superfície plana para eliminar as bolhas de ar. Aplique sobre o bolo.
Rendimento: 20 fatias.
Sirva acompanhada de chantilly com pouco açúcar.

6 comentários:

  1. Incroyable et magnifique!!! Muito bom mesmo experimentei e ficou ótimo parabéns pelo blog...

    ResponderExcluir
  2. Oi Diego!
    Obrigada e volte sempre!
    Abraços
    Simone

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela receita, quero e m breve executar
    abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Givago
      Tudo bem?
      Fica uma delícia essa receita, vc realmente vai gostar! E seu blog? Parou? Espero que volte! E volte no meu, sempre que puder, ok?
      Abços
      Simone

      Excluir